Soluções globais para o monitoramento de processo em linha

Sensores tipo sonda ASD12-N

optek ASD12-N Sondas de absorbância de um canal

Aplicações típicas:

  • Crescimento celular em culturas de células de mamíferos e fermentação bacteriana
  • Monitoramento de concentração de algas
  • Determinação de biomassa
  • Monitoramento de processos de cristalização

Visão geral

Os sensores de absorbância ASD12-N e ASD25-N foram projetados para o uso em fermentadores ou biorreatores escala de projeto piloto e de produção. Eles permitem uma medição precisa do crescimento de culturas de microrganismos ou de culturas de células, como uma função de absorbância de NIR.

Absorbância de NIR

Um constante raio de luz LED, exatamente focalizado, penetra o meio de processo. Os sensores ASD12-N e ASD25-N usam luz na faixa de 840 nm a 910 nm (NIR). A atenuação da intensidade de luz, causada pela absorbância de substâncias dissolvidas e não dissolvidas, é detectada por um fotodiodo de silício encapsulado.

ASD12-N

O ASD12-N foi especialmente desenvolvido para a utilização em fermentadores de laboratório. Devido à construção sem gaxetas da janela ótica de safira, são evitadas fendas e juntas. Com isto é assegurada o mais alto grau de esterilidade. Todas as partes que têm contato com os meios, são de aço inoxidável eletropolido. O sensor ASD12-N pode ser autoclavado e pode ser montado através de qualquer chapa de topo com uma rosca de porta de conexão PG13,5. O ASD12-N está disponível em três diferentes comprimentos de inserção com um OPL de 5 ou 10 mm (comprimento de caminho ótico OPL = distância entre as janelas). Comprimentos de caminho ótico mais curtos são aplicados, principalmente, para culturas de células densas, tais como culturas de bactérias e de levedura. OPLs mais longos são utilizados para culturas com uma baixa densidade de células, tais como por exemplo células de mamíferos, assim como para processos de solução, precipitação ou de cristalização.

Início da página

Dados técnicos

ASD12-N
Esquemático
  1. OPL
  2. Janela de safira
  3. Detector
  4. Filtro de luz do dia
  5. Fonte de luz LED

Nenhuma gaxeta da janela

Medição
Princípio de medição

Absorbância de luz de um canal

Comprimento(s) de onda de medição

840 - 910 nm

Detector(es)

1 fotodiodo de silício (hermeticamente encapsulado)

Faixa de medição

livremente selecionável entre:

  • 0 – 0,05 e 4 CU
Comprimento de caminho ótico

1, 5 ou 10 mm, outros a pedido

Calibração

CU (unidades de concentração) calibração específica da aplicação

Fonte de luz

LED híbrido (hermeticamente encapsulado), 5,4 V DC, 100 mA

vida útil normal: aprox. 10 anos

Tipo de proteção

IP68

Adaptação ao processo
Material

Partes molhadas:Em aço inoxidável 1.4435 (316 L) dF <1%, BN2

Superfície:eletropolida Ra <0,4 µm

Conexão de porta

Chapas de topo do fermentador

Diâmetro:12 mm

Rosca:PG 13,5

Gaxeta da porta

O-Ring 11,00 x 3,00 mm

EPDM (FDA / USP Class VI)

Profundidade de inserção

110 mm + OPL

215 mm + OPL

315 mm + OPL

outros a pedido

Pressão de processo

sem pressão

(+/- 0,5 bar) (+/- 7,25 psi)

Janelas

Safira (sem vedação)

Acessórios de montagem

Adaptador PG 13,5 profundidade variável

Adaptador M26 x 1 - PG 13,5

Classe de temperatura
Temperatura do processo

Temperatura contínua:5 - 50°C (41 - 122°F)

Temperatura ambiente

Operação:0-40 °C (32-104 °F)

Transporte:-20–70 °C (-4–158 °F)

Condições de esterilização

A esterilização deve ocorrer fora do processo e o sensor de ASD deve ser separado da fonte de energia

(a autoclavagem sem cabo é possível)

pressão máx.: 4 bar (58 psi)

máx. temperatura: 135 °C (275 °F) (máx. 60 min/dia)

A classe de pressão e de temperatura indicada pode ser limitada - veja instruções de serviço. O usuário é completamente responsável pela seleção do material correto para todos os componentes que entram em contato com as substâncias. Sob reserva de alterações de dados.

Início da página